Home ¬Ľ Inglaterra anuncia pacote financeiro para ajudar no desemprego

Inglaterra anuncia pacote financeiro para ajudar no desemprego

Estive ausente nas duas √ļltimas semanas pois estava esperando como seria a reabertura dos pubs e tamb√©m, o an√ļncio do Chancellor (Ministro das Finan√ßas) para saber como ficariam os pacotes financeiros para tentar combater o desemprego aqui na Inglaterra.

Depois de quase 4 meses fechados, no dia 04 de Julho, os pubs, bares e restaurantes foram reabertos, no que foi chamado de ‚ÄúSuper Saturday‚ÄĚ (super s√°bado).
Com esse nome, só poderíamos esperar por um certo caos, desorganização e muitas pessoas sem noção, fazendo festas e não seguindo a nova norma de distanciamento, que é de 1 metro.

As próprios donos dos restaurantes, falaram que tudo foi feito sem muito planejamento, organização e/ou diretrizes concretas em como manter o local aberto, porém com o distanciamento necessário e com a higienização que deve ser feita, além da fiscalização para as normas serem cumpridas , tanto pelos cliente como pelas empresas.

Além disso, segundo eles, a reabertura deveria ter sido feita em uma segunda-feira, pois o movimento seria menor e eles assim, poderiam ir se adaptando, conforme os dias fossem passando, para estarem mais preparados para um final de semana movimentado.

Resultado: diversos locais ficaram lotados e inclusive alguns pubs, fecharam suas portas 2 ou 3 dias após a abertura, pois foram detectadas pessoas infectadas com o COVID no local.

Eu imagino que as cidades menores n√£o tenham tido esses problemas, pois √© mais f√°cil de controlar o n√ļmero de pessoas. J√° em uma cidade como Londres, com quase 10 milh√Ķes de moradores, fica muito mais dif√≠cil (veja aqui fotos do Soho em Londres, no super Saturday, parecia carnaval).

E apesar do pa√≠s estar reabrindo, a cidade de Leicester foi colocada em “lockdown” pois o n√ļmero de casos positivos aumentou muito e o governo decidiu (o que no in√≠cio da pandemia eram contra), fazer a quarentena local, ao inv√©s de colocar o pa√≠s inteiro novamente.¬†
O Ministro da Sa√ļde Matt Hancock ir√° revisar e anunciar as novas medidas do lockdown para Leicester no dia 18 de Julho.

No dia 09 de Julho o Secret√°rio da Cultura Oliver Dowden anunciou que piscinas ao c√©u aberto, poder√£o reabrir a partir do dia 11 de Julho, bem como as apresenta√ß√Ķes ao ar livre, incluindo teatros, √≥pera, dan√ßa e m√ļsica, embora o n√ļmero do p√ļblico seja restrito e esteja sujeito a regras de distanciamento social.

Esteticistas, manicures, tatuadores e sal√Ķes de bronzeamento poder√£o reabrir no dia 13 de Julho.
J√° as academias de gin√°stica, instala√ß√Ķes esportivas e piscinas cobertas poder√£o reabrir a partir de 25 de julho.

Todos esses locais podem reabrir desde que tomem todas as precau√ß√Ķes e medidas de seguran√ßa, tais como limitando o n√ļmero de pessoas que usam uma instala√ß√£o ao mesmo tempo, reduzindo o tamanho das turmas e espa√ßando os equipamentos, al√©m de toda a higieniza√ß√£o do local

Caso queira saber mais sobre essas medidas, entre nesse site (em inglês): https://www.gov.uk/guidance/working-safely-during-coronavirus-covid-19/providers-of-grassroots-sport-and-gym-leisure-facilities

No momento o Reino Unido est√° com mais de 287.600 testados positivos para o coronav√≠rus, sendo que infelizmente mais de 44.600 vieram a falecer. Por√©m, na certid√£o de √≥bito, mais de 54.500 mencionam o COVID-19.¬†Desses n√ļmeros, cerca de 90% dos falecimentos ocorreram na Inglaterra.

O Reino Unido tem o maior n√ļmero oficial de mortos na Europa e o terceiro mais alto do mundo, depois dos EUA, com mais de 134.500 falecimentos e do Brasil, com mais de 68.000.

Para tentar ajudar na crise financeira e na recess√£o que o pa√≠s est√° e ir√° enfrentar pelos pr√≥ximos meses, no dia 08 de Julho o Chancellor Rishi Sunak (Ministro das Finan√ßas), fez um an√ļncio com diversos planos e um pacote financeiro de mais de ¬£30 bilh√Ķes para prevenir o desemprego gerado pela pandemia.

O governo pagar√° para as empresas um b√īnus de ¬£1.000 por cada funcion√°rio que volte a trabalhar depois de ter sido colocado em furlough ou tenha sido mandado embora.
Se esses funcion√°rios forem mantidos em seu emprego por tr√™s meses, depois que o esquema de licen√ßa terminar em outubro, a empresa ganha esse b√īnus.

Esse esquema, chamado de furlough, como já comentei diversas vezes, o empregador pode solicitar um subsídio que cubra 80% de seus custos salariais mensais, até £2.500 por mês por pessoa. O furlough iniciou em Março, porém terminará em Outubro.

Portanto, para que as empresas recebam o b√īnus, o funcion√°rio deve receber pelo menos ¬£520 em m√©dia cada m√™s, que √© o equivalente ao sal√°rio m√≠nimo, de novembro at√© o final de janeiro.¬†

Para ajudar restaurantes, cafés e pubs e trazer mais clientes aos locais, em Agosto, todos os restaurantes que se registrarem, darão um desconto de 50% nas segundas, terças e quartas-feiras.
O desconto não se aplica a bebida alcoólica, mas a alimentos e refrigerantes de até £10 por pessoa.

Ele tamb√©m acrescentou que o imposto VAT sobre alimentos em restaurantes, caf√©s, pubs, al√©m de acomoda√ß√Ķes e atra√ß√Ķes, cinemas, parques tem√°ticos e zool√≥gicos, ser√° reduzido de 20% para 5%.
Essa nova taxa de imposto mais baixa será implementada na próxima quarta-feira, 15 de Julho e permanecerá em vigor até 12 de janeiro de 2021.

Sunak também anunciou um esquema para criar mais empregos para os jovens entre 16 e 24 anos (traineeship).
O pacote pagará os empregadores um bonus de £1.000 por cada estagiário que seja oferecido uma experiência de trabalho (não remunerado).

Além disso, nos próximos seis meses, o governo pagará aos empregadores para criar novos estágios remunerados (apprenticeship).
Segundo ele: “Pagaremos um bonus para as empresas que contratarem jovens aprendizes. O b√īnus ser√° de ¬£2.000 por aprendiz de 18 √† 24 anos e se o aprendiz for de 25 anos ou mais, o b√īnus ser√° de ¬£1.500 “.

Tamb√©m para estimular o mercado imobili√°rio, a partir do dia 09 de Julho, haver√° “um feriado” tempor√°rio no imposto sob a compra/venda de im√≥veis.
Antes, era isento de imposto os primeiros £125.000 e agora, será isento de imposto os primeiros £500.000 de todas as vendas de imóveis.

Isso visa n√£o apenas impedir o colapso do mercado imobili√°rio do Reino Unido, no qual a economia brit√Ęnica depende fortemente, mas ajudar a circular o dinheiro em outras √°reas, como lojas de material de constru√ß√£o, m√≥veis e todos os neg√≥cios que circulam no mercado imobili√°rio.

Além disso, centenas de proprietários de imóveis receberão vouchers de até dois terços do custo total até £5.000 ou até £10.000 para os de maior baixa renda, para fazer melhorias no isolamento das casas, como vidro duplo, isolamento em paredes e no chão, etc.

Esse esquema, que será lançado em Setembro, além de gerar mais de 100 mil empregos, irá ajudar na redução das contas de energia das casas. O site para verificar se a casa entra no esquema e aplicar o formulário ainda não está disponível. 

Al√©m disso, o plano de investimento de ¬£3 bilh√Ķes √© para reprimir as emiss√Ķes de carbono e ajudar o Reino Unido no plano sobre as mudan√ßa clim√°tica.

Também foi anunciado, dias antes, um pacote de apoio emergencial de 1,57 bilhão de libras para ajudar a proteger os teatros, galerias e museus, mas segundo o Secretário da Cultura Oliver Dowden, não é o suficiente para salvar todos os empregos do setor.

Outra coisa que muda, √© que a partir do dia 10 de Julho, as pessoas n√£o precisam se auto-isolar na chegada √† Inglaterra se estiveram nos √ļltimos 14 dias em determinados locais.
Veja a lista completa doas países aqui: https://www.gov.uk/guidance/coronavirus-covid-19-travel-corridors#countries-and-territories-with-no-self-isolation-on-return-to-england

Apesar de todas essas medidas, o governo vem sendo bastante criticado, mas sinceramente, devido a gravidade e a rapidez com que a crise se instalou, e comparando com a ajuda que outros países estão dando, é difícil julgar, pois é uma situação fora do comum, onde praticamente todas as pessoas sofreram algum impacto.

Infelizmente o desemprego √© inevit√°vel e o impacto da crise j√° √© bastante claro, com empresas de v√°rios setores anunciando demiss√Ķes significativas nas √ļltimas semanas.
O que ainda n√£o est√° claro √© at√© que ponto o governo est√° disposto e consegue ir, para limitar o n√ļmero de pessoas a perdem seus empregos.

Por enquanto, o que nos resta é aguardar e ver como será a segunda metade do ano e se as medidas acima citadas, foram implementadas com sucesso.

Compartilhe:

Deixe seu recado:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 coment√°rio

error: